Descoberto mecanismo que ativa a dor na síndrome do cólon irritável

Estudo publicado na “JCI Insight”

23 outubro 2019
  |  Partilhar:
Investigadores da Universidade de Flinders, Austrália, descobriram o mecanismo sinalizador nos intestinos que ativa a dor na síndrome do cólon irritável.
 
A equipa detetou que os recetores que causam a sensação de comichão na pele também estão presentes nos intestinos humanos e ativam neurónios. Esta ativação provoca dor crónica ou uma sensação de dor com comichão em doentes com síndrome do cólon irritável.
 
Foi ainda observado que estes recetores estão mais presentes nas pessoas com a doença do que nas saudáveis, o que significa que mais neurónios são ativados e mais dor é provocada.
 
Stuart Brierly, investigador, explica que os doentes sofrem de dor abdominal crónica pois experienciam uma reformulação do seu sistema nervoso que os faz sentir dor quando não deviam. Então, pergunta-se qual a razão de estes nervos do intestino serem ativados.
 
Neste estudo descobriu-se que a dor sentida pelos doentes de síndrome do cólon irritável começa quando os recetores se juntam aos recetores “wasabi” do sistema nervoso. Estes recetores são aqueles que nos fazem reagir quando consumimos o condimento japonês wasabi. 
 
Brierly esclarece que quando consumimos wasabi, é ativado um recetor nos nervos que envia sinais de dor. “É exatamente o que acontece nos intestinos quando os doentes sentem ‘comichão’, dor ou o efeito ‘wasabi’ nos intestinos”.
 
Esta investigação abre caminhos a formas de terapêutica que se foquem no bloqueio destes recetores, de forma a parar a dor.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Comentários 0 Comentar