Um novo estudo estabeleceu uma associação entre o início dos períodos numa idade mais precoce e um maior risco cardiovascular.
 
Existem cada vez mais evidências a demonstrarem que os fatores reprodutivos desempenham um papel no risco das doenças cardiovasculares. No entanto, não se conseguiu, até à data, identificar com clareza o âmbito e extensão dessa relação.
 

Estudo publicado na revista “Future Generation Computer Systems”

Estudo publicado na “Journal of the American Geriatrics Society”

Estudo “Necessidades e Qualidade de Vida em Doentes com Mieloma Múltiplo e seus Cuidadores”

Proposta em estudo pelo Ministério da Saúde e Ministério da Segurança Social