Investigadora pede mais atenção para as doenças respiratórias

Congresso Intern. sobre Infeções Associadas aos Cuidados de Saúde

29 outubro 2019
  |  Partilhar:
A investigadora Cátia Caneiras pediu uma maior visibilidade para as doenças respiratórias em Portugal.
 
A representante da Sociedade Portuguesa de Pneumologia participou no 3.º Congresso Internacional sobre Infeções Associadas aos Cuidados de Saúde em Santa Maria da Feira abordando o tema sobre as razões de se morrer tanto de pneumonia em Portugal.
 
Cátia Caneiras recordou que o país, em 2015, era o que tinha maior taxa de mortalidade por pneumonia na União Europeia, citando o relatório da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) de 2018.
 
“O que não deixa de ser curioso é que quando passamos do relatório da OCDE para o relatório do Ministério da Saúde e verificamos o retrato da saúde em Portugal, nem uma frase é dada às doenças respiratórias”, observou.
 
Portugal é o país europeu com maior taxa de mortalidade por pneumonia com valores de mortalidade superiores a 57 mortes por cada 100 mil habitantes, sendo o dobro da média dos países da União Europeia.
 
“No retrato da saúde, nas doenças que mais afetam os portugueses, continuamos apenas a falar das doenças cardiovasculares e oncológicas – que são extremamente relevantes –-, mas dado os dados das doenças respiratórias em Portugal, entendemos que devia ser dada uma maior visibilidade a esta matéria”, sublinhou.
 
Apesar disso, em declarações à Lusa após a intervenção, indicou que a Sociedade Portuguesa de Pneumologia, a Direção Geral de Saúde (DGS) e o Ministério da Saúde “estão a monitorizar a situação e a identificar causas” e adiantou que se prevê “verificar se a codificação de pneumonias em Portugal está a ser igual à dos restantes países europeus”.
 
Cátia Caneiras entende que há várias ações que podem ser tomadas, começando pela “sensibilização da vacinação” da gripe e antipneumocócica para a população.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Comentários 0 Comentário