Exercício físico pode atrasar declínio cognitivo em Alzheimer precoce

Estudo publicado na “Alzheimer's & Dementia”

02 outubro 2018
  |  Partilhar:
Os indivíduos que expressam uma mutação genética que causa doença de Alzheimer poderão beneficiar com a prática de pelo menos 2,5 horas de atividade física semanais, atestou um estudo. 
 
Conduzido por Christoph Laske e equipa de investigadores do Hospital Universitário de Tübingen, Alemanha, o estudo apurou que aquela prática mínima de exercício físico semanal poderá atrasar alterações cerebrais nos marcadores da doença e ainda o declínio cognitivo, aplicando-se ainda a uma forma rara da doença, conhecida como doença de Alzheimer autossómica dominante.
 
A doença de Alzheimer autossómica dominante é um tipo de Alzheimer que se desenvolve precocemente, antes dos 65 anos de idade.
 
Para o estudo, a equipa analisou dados relativos a 275 pessoas, com uma média de idades de 38,4 anos e que expressavam uma mutação genética para Alzheimer precoce. 
 
Foi verificado que 156 dos participantes eram muito ativos, ou seja, praticavam mais do que as 2,5 horas se atividade semanal recomendada, como caminhada, aeróbica, natação e corrida. Os participantes menos ativos praticavam menos atividade física semanal. A intensidade da atividade física praticada não foi medida. 
 
A análise da equipa revelou que a prática de mais de 2,5 horas semanais de exercício físico estava associada a uma cognição significativamente melhor e a uma menor incidência da doença de Alzheimer.
 
Foi ainda detetado que quanto mais ativos eram os participantes, melhores tinham sido os resultados obtidos em testes funcionais relacionados com o estado mental. Estes indivíduos apresentavam ainda níveis inferiores de proteína tau e de outros biomarcadores da doença no líquido cefalorraquidiano.
 
Os autores do estudo concluíram que adotar um estilo de vida ativo poderá ser importante para atrasar o desenvolvimento e evolução da doença de Alzheimer precoce e que quem corre um risco genético para a doença deveria ser aconselhado a praticar atividades físicas.
 
ALERT Life Sciences Computing, S.A.
Partilhar:
Comentários 0 Comentário